Bitseal

domingo, janeiro 21, 2007

48%

É a percentagem de estudantes do ensino superior que correm um risco muito elevado de ficarem infectados com o HIV. Segundo um estudo publicado esta semana, 48% tem relações sem preservativo e consideradas promiscuas.

Questões para reflexão:

Quantos deles é que já são portadores do vírus e nem sabem, mas continuam a proliferar o vírus?

Quantos já são portadores de outras DST's e continuam a prolifera-las?

E para vocês leitores, quantos de vocês nos vossos flirts ocasionais já o fizeram com indivíduos infectados e tiveram a sorte de não ficarem infectados? (ou o inverso)

Quem vê caras não vê corações, neste caso, quem vê caras não vê as doenças.
Pode-se concluir que quem vive para o materialismo, mais cedo ou mais tarde irá pagar da pior forma!
Então la vem outra questão ao de cima, porque raio é que o estado tem que suportar o tratamento a quem arrisca a saúde de forma estúpida?

A ultima conclusão que tiro, é que o universitário deveria ser aquele que mais estudos tem e mais usa o raciocínio, mas afinal o que se vê é que a ignorância dos dias de hoje é tão grande que nem aqueles que teoricamente seriam bem mais informados escapam.

Ser universitário em Portugal é ter meramente um estatuto social é uma forma de estar e poder ser chamado de Doutor. É por isso que cada vez menos sinto vontade de por cá permanecer, já sei que quem ler isto irá dizer-me: "gajos como tu não fazem falta."
Ao qual eu respondo para todos os que vivem sobre esta mentalidade: Afundai-vos todos na merda que cagam todos os dias, quando todos estiverem mortos, talvez eu pense em regressar mas não contem comigo para vos ajudar a sair da merda!

Etiquetas:

2 Comentários:

  • O problema que aqui foca é sério e, mesmo com a minha vetusta idade, ainda não percebi o modo leviano e promíscuo como a população universitária usa o sexo. Apesar de toda a informação que passa, quase diariamente, na comunicação social, pessoas, no mínimo medianamente inteligentes, insistem em vendar os olhos e os ouvidos à razão da realidade que são os números da OMS. Há factos que ultrapassam a minha compreensão! Serei estúpido? Se calhar sou. Estarão eles certos? Provavelmente sim, afinal são quase Doutores! A SIDA alastra e o Homem apressa inexoravelmente o seu fim! A Mãe-Natureza não perdoa!!!

    Por Anonymous Anónimo, Às segunda-feira, janeiro 29, 2007 7:12:00 da tarde  

  • 5* este post...sem nada a adicionar mesmo..

    Por Blogger lip, Às quinta-feira, agosto 09, 2007 12:12:00 da manhã  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]



<$I18N$LinksToThisPost>:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial