Bitseal

domingo, julho 29, 2007

O doce veneno do escorpião

Atreva-se a entrar no reino da sexualidade

Prepare-se para fixar o nome desta brasileira de origem, que, ao contrário dos escritores tradicionais, conta uma história de vida em tudo diferente ao que já conhece, rompendo com os cânones das sociedades católicas, assumindo os seus actos e dando a cara pelo que já foi.

Com frontalidade, relata o abandono de uma vida perfeitamente comum, proveniente de uma classe média alta, para se entregar, com apenas 17 anos, à prostituição de luxo, descrevendo os seus encontros escaldantes com parceiros de várias idades, durante três anos na cidade de São Paulo.

Movida pela convicção profunda de que nasceu para o sexo, Bruna Surfistinha achou no corpo, a chave para a liberdade, comprando com o primeiro ordenado um telemóvel de presente para si própria.

Envolta no submundo do sexo passou também pelas teias da droga, e agora em jeito de recordação de todos os anos que passou ao serviço de um ideal de sedução e felicidade, determinou um novo rumo para a sua vida, coincidindo a paragem da sua actividade com o encontrar o homem da sua vida e a publicação do livro. O seu blogue, altamente popular no Brasil, irá continuar e Bruna espera, com expectativa, poder anunciar nele o seu casamento e o nascimento dos seus filhos.

Excerto da obra
«”Você não conta para os meus amigos que é a minha primeira vez?” Ensinava como abrir o primeiro sutiã da vida deles. Ligava o som e conduzia meu show. Alguns foram alunos brilhantes».
Bruna Surfistinha

Comentário do blogger: um livro que retrata muitas histórias semelhantes por este país fora. :x

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]



<$I18N$LinksToThisPost>:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial